Cetic.br sedia workshop de capacitação sobre medição do uso das TIC em sistemas de saúde da América Latina


04 AGO 2017



Participaram do workshop representantes de países que integram a Rede Americana de Cooperação sobre Saúde Eletrônica (RACSEL)

O Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br) do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br) sediou o Workshop “Fortalecimiento de capacidades para la medición del nivel de madurez en el uso de Tecnologías de la Información y la Comunicación (TIC) en el sector Salud en los países integrantes de la Red Americana de Cooperación sobre Salud Electrónica (RACSEL)”.

O evento, promovido em São Paulo de 26 a 28 de julho, teve o objetivo de desenvolver conhecimentos e habilidades para medir o uso das tecnologias da informação e Comunicação (TIC) em sistemas de Saúde da América Latina tendo em vista a experiência de medição das TIC no setor da saúde realizada pelo Brasil e Uruguai a partir das metodologias internacionais da OECD¹ e da CEPAL². Participaram do evento representantes dos Ministérios de Saúde do Chile e Peru, do Ministério de TIC da Colômbia, da AGESIC³ do Uruguai e da Caixa Costarriquenha de Saúde, da Costa Rica.

“Dada a importância estratégica da produção de estatísticas comparáveis ​​e a necessidade de melhorar e facilitar os processos de medição das TIC nos países da região, foram debatidos os termos de um acordo de cooperação técnica entre o NIC.br e a Red RACSEL, que conta com o apoio do Banco Interamericano de Desarrollo (BID)”, explica Alexandre Barbosa, gerente do Cetic.br.

O projeto visa apoiar os países no estabelecimento de um meio permanente de intercâmbio de conhecimentos e experiências na área, a fim de gerar uma série de produtos que ajudem a região no desenvolvimento de medições do e-saúde. Para isso, nos três dias de evento, foram apresentados o trabalho do NIC.br/ Cetic.br, e discutidos os contextos nacionais de cada país participante, as referências internacionais e aspectos metodológicos, além da realização de dinâmicas em grupo para desenvolver estratégias de medição para cada um dos países.

“Espera-se que as discussões promovidas e o acordo em curso ajudem os participantes a desenvolver conhecimentos e habilidades para projetar medidas nacionais de utilização das TIC na saúde, em conformidade com as normas internacionais disponíveis, e que sejam capazes de produzir um documento com recomendações para essas medições levando em conta seus contextos regionais”, ressalta Barbosa.

Acesse as fotos do Taller RACSEL: https://www.flickr.com/photos/nicbr/albums/72157684510294564.

------
¹OCDE: Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico

²CEPAL: Comissão Econômica para América Latina e o Caribe

³AGESIC: Agência de Governo Eletrônico e Sociedade da informação e do Conhecimento



(Foto: Ricardo Matsukawa)